St Arquitetura e Consultoria

 

Stephan Steyer
55 11 5641-9795
                
 
@  |  WEB

Edifício Comercial


        

Revitalização Prédio da Bunge | Gaspar / SC

ST ARQUITETURA É PREMIADA POR REVITALIZAÇÃO DE PRÉDIO DA BUNGE
A ST Arquitetura acaba de receber o VI Grande Prêmio de Arquitetura Corporativa 2009, organizado pela Flex Eventos e considerado um dos mais importantes da América Latina, pelo projeto Innovation Center, o Centro de Inovação da Bunge Alimentos, uma das maiores empresas do setor alimentício do Brasil, com sede em Gaspar (SC). Entre os grandes diferenciais para essa conquista está a forma como o conceito de inovação foi refletido no próprio prédio, uma antiga construção que passou por uma revitalização geral.
A obra foi planejada pela ST Arquitetura para atender ao objetivo da Bunge Alimentos de expor as atividades da empresa e ao mesmo tempo incentivar, de forma natural e espontânea, o envolvimento dos funcionários, como parte de toda uma cultura de inovação que vem sendo implantada nos últimos anos. Ou seja, a reformulação dos espaços deveria incorporar o novo perfil mais dinâmico e moderno da companhia.
Em vez de propor uma nova construção, a ST Arquitetura decidiu transmitir inovação utilizando a renovação. Optou pelo retrofit, técnica de revitalizar conservando a estrutura original do edifício, acrescentando materiais e equipamentos modernos, planejados de forma a otimizar custos.
O prédio se transformou em um ícone para servir como inspiração para a criação de novos processos na empresa.
"Resolvemos revisar e atualizar todos os conceitos utilizados na época da construção”, afirma a arquiteta Ione Steyer, da ST Arquitetura e uma das responsáveis pelo projeto. Para isso, as mudanças englobaram não só uma nova distribuição de layout, mas uma renovação na infra-estrutura tecnológica do edifício. Na readequação do uso do prédio, o espaço do laboratório foi duplicado, a equipe técnica ficou em local específico e setores e salas foram replanejados estrategicamente para promover a inovação.
À antiga fachada foi acrescentado um novo fechamento, feito com vidros em camadas horizontais, estruturados por hastes de alumínio. Tudo para compor um visual com movimento de onda, para que os funcionários, ao caminharem por dentro, sintam-se “abraçados”.
A participação efetiva dos funcionários também acontece nos seguintes ambientes:
· cozinha interativa - com câmeras para filmar os técnicos operando. De outra sala, próxima, as pessoas assistem ao que está sendo feito na cozinha, em que cortinas e aparelhos eletrônicos automatizados também passam a idéia da inovação.
· cabines sensoriais – para degustação. Os funcionários experimentam produtos elaborados pelo laboratório de alimentos em cabines sensoriais com estratégias para evitar que alguns elementos influenciem na escolha. As cabines são voltadas para uma cozinha de apoio que não pode ser visualizada e mudam de cor quando necessário. São arredondadas, seguindo o conceito de envolvimento do projeto.
· área de informação e consulta - é uma biblioteca com computadores, livros e revistas do mundo todo, de assuntos variados, para inspirar o trabalho. Os móveis foram escolhidos pela mobilidade e versatilidade que oferecem.
· deck - esta área tem como proposta ser um espaço de criação e de reuniões ao ar livre. Parte dela também foi aproveitada para plantar espécies de culturas com que a Bunge Alimentos trabalha . O piso do deck é de material reciclado (tipo de PVC) , resistente.
· escritórios e sala multimídia para videoconferência – os escritórios ganharam mais funcionalidade, com espaços ampliados e integrados. A sala de videoconferência é dotada de isolamento acústico, iluminação adequada e oferece mobilidade para utilização por pequenos e grandes grupos.
Para Ione Steyer, “o resultado positivo do projeto é percebido pela receptividade e satisfação dos usuários; nota-se também a grande utilização das áreas interativas, como a cozinha e as cabines sensoriais.”


| voltar | principal |